HISTÓRIA
ESPIRRA

"A PRIMEIRA REFERÊNCIA QUE TEMOS DA HERDADE DE ESPIRRA DEVE-SE A JOSÉ MARIA DOS SANTOS (1832-1913), ANTIGO PROPRIETÁRIO E UM VISIONÁRIO AGRICULTOR..."

A primeira referência que temos da Herdade de Espirra deve-se a José Maria dos Santos (1832-1913), antigo proprietário e um visionário agricultor Português responsável pela plantação, no final do século XIX, na região da Península de Setúbal, da maior vinha contígua plantada no Mundo, num total de 2.400 hectares.

Mais tarde, em 1872, toda a vinha foi destruída durante a epidemia Phylloxera e, por isso, foi reconvertida em culturas florestais.

O actual proprietário da Herdade de Espirra, a Portucel, adquiriu a propriedade em 1985, tendo reestruturado a vinha existente e recuperado as instalações sociais que se encontravam em franca degradação, incluindo a própria adega, dando portanto condições para que a produção de vinho possa ser assumida com grande rigor e profissionalismo, assim surgiu uma nova empresa, Sociedade de Vinhos da Herdade de Espirra, que tem como objectivo produzir e comercializar o vinho de Espirra, respeitando as culturas e práticas tradicionais da região.

VINHAS
30 ANOS

"AS VINHAS COM MAIS DE 30 ANOS DE IDADE E EM PRODUÇÃO INTEGRADA, MAIORITARIAMENTE DE CASTELÃO, CULTURA TRADICIONAL..."

As vinhas com mais de 30 anos de idade e em produção integrada, maioritariamente de Castelão, cultura tradicional da Região, conferem características únicas e genuínas aos vinhos ali produzidos.

Os 37 hectares de vinha localizados nos solos arenosos da Herdade de Espirra convivem harmoniosamente com outras actividades agro-florestais, como a produção de cortiça, produção de pinhão, pastagem de rebanhos, viveiros florestais e produção de madeira, ocupando um total 1.700 hectares.

CASTAS
CASTELÃO

"NAS VINHAS IMPERA A CASTA CASTELÃO. O FRANCÊS PIERRE GALET, UM DOS MAIS RECONHECIDOS INVESTIGADORES MUNDIAIS EM CASTAS DE VIDEIRA..."

Nas vinhas impera a casta Castelão.
O francês Pierre Galet, um dos mais reconhecidos investigadores mundiais em castas de Videira do século XX, reportou a origem desta variedade em Espanha onde pode ter sido conhecida no passado como Tinta de Castella. Actualmente a casta Castelão é considerada uma variedade indígena do Sul de Portugal.

Como é particularmente resiliente ao calor e ao stress hídrico, a casta Castelão encontra-se e cresce em clima quente, em solos arenosos e secos, onde dá origem a vinhos de alta qualidade, de aromas quentes com laivos de frutos silvestres, e taninos com uma boa capacidade de envelhecimento.

Apesar de todos os vinhos serem obtidos maioritariamente da casta Castelão, recentemente foram introduzidas novas castas – Aragonez, Touriga Nacional e Alicante Bouschet - de forma a poder tornar a prova de vinho numa experiência mais intensa.

Localização
Pegões

"ADQUIRIDA PELA PORTUCEL EM 1985, A HERDADE DE ESPIRRA, LOCALIZADA NA REGIÃO DE PEGÕES A CERCA DE 50 KM A SUL DE LISBOA..."

Adquirida pela Portucel em 1985, a Herdade de Espirra, localizada na região de Pegões a cerca de 50 km a sul de Lisboa, é um espaço diversificado em termos de ocupação do solo. Logo à entrada evidencia-se a área social, que integra a sala de reuniões, escritórios, moradia, adega e armazém. O traçado das construções deste “monte” integra-se harmoniosamente na paisagem, corresponde à arquitectura da região e está patente na imagem dos vinhos.

A Herdade de Espirra é uma propriedade perfeitamente integrada com a natureza, gerida de forma sustentada e em respeito com as normas em vigor, devidamente controlada por entidades competentes que permite que os vinhos aqui produzidos tenham a designação de vinho obtido a partir de vinhas em Produção Integrada.

 

Subscrever newsletter
×
Contactos

Herdade de Espirra 2985-270 Pegões - Portugal
M. +351 964 171 316 - T. +351 265 898 787 - F. +351 265 898 079

GPS
38º 39' 22.398'' / 08º 37' 19.149''

vinhos.herdade.espirra@portucelsoporcel.com

×
Mapa Site
×
SORRY!
The design agency didn't make it on time, therefor, the English version, will take a bit longer that we expected. Meanwhile, Rui Reguinga, our prestigious enologist, is making a 2015 memorable wine. ×